POLÍTICA DO NÚCLEO

Este espaço foi criado e autorizado pela Sociedade de Veteranos de 1932, sede em São Paulo ( veja em Matérias Públicadas seu estatuto). Como um núcleo de pesquisas tem por objetivo investigar e trazer à memória de toda a sociedade sãopedrense a história da Revolução Constitucionalista de 1932, seus objetivos e os resultados. Por São Pedro 36 foram alistados, sendo 27 natos, inclusive meu pai.Dentre os enviados um faleceu em combate ao socorrer um amigo baleado e por esse ato de bravura é o expoente deste grupo de heróis: José Augusto Frota Escobar. Cerca de 16 colaboradores locais na retaguarda também estiveram ligados ao movimento. Todos devem ser devidamente honrados meste espaço, a partir das suas biografias que devem ser preparadas por suas famílias . São heróis sao-pedrenses. Insistimos que haja rigor com a verdade dos fatos, devendo ser relatados aqueles que tenham alguma possibilidade de serem comprovados por relato próprio em diário, carta, correios de guerra, livros e provas documentais. Evite relatar fatos não comprováveis, para não entrar em choque com o relato das biografias dos demais combatentes e colocar o relato em risco. A responsabilidade das informações será plenamente atribuída ao seu autor cujo nome deverá acompanhar a publicação neste espaço.

Contato:

João Francisco de Aguiar
Presidente
-e-mail: jfaguiar@uol.com.br








domingo, 25 de agosto de 2013

ARTHUR FRIEDENREICH DA SELEÇÃO BRASILEIRA E DO PALESTRA ITALIA COMANDA O BATALHÃO ESPORTIVO EM 1932

Na página 220 do arquivo anexado pode-se ler uma curiosa passagem sobre um mulato famoso, destacado jogador de futebol do Palestra Italia e da seleção brasileira, ARTHUR FIEDENREICH . Foi filho de um alemão com uma negra brasileira. A eclosão do movimento de 1932 paralisou, segundo o autor, uma partida entre Palestra Italia e Corinthians Paulista. Outras fontes nos dizem que FRIEDENREICH deixou o clube e lançou-se a guerra formando um novo batalhão, dos esportistas, merecendo elogios no final pelo seu destacado exemplo nas batalhas, havendo sido promovido a sargento.

http://www.afroasia.ufba.br/pdf/afroasia_n29_30_p199.pdf

sábado, 24 de agosto de 2013

DIPLOMA DE HONRA AO MERITO

Eu, Joao Francisco de Aguiar, pelos poderes a ele conferidos de forma estatutária, declaro criado o
Diploma de Honra ao Mérito soldado Sebastião de Azevedo Aguiar" em 05/12/2012. Este diploma e    o "Diploma de Honra ao Mérito José Augusto Frota Escobar" criado em 07/09/2012 têm  o objetivo de agraciar, com reconhecimento público, os que cooperarem de forma diferenciada com os ideais perseguidos por este núcleo, por ocasião das cerimônias que forem realizadas anualmente comemorando o 09 de Julho de 1932.Outros diplomas ainda serão criados com o mesmo objetivo, sempre honrando os combatentes de 1932.
Estes personagens tem sua história conhecida na cidade de São Pedro e ambos tem biografia detalhada neste blog. Sem dúvida o herói por excelência dos 36 que se alistaram por São Pedro foi José Augusto Frota Escobar, este ferido e morto em combate ao salvar um amigo ferido no calor da batalha.
Após muito refletir e depois de consultar meus pares da Sociedade de Veteranos de 1932, decidi também criar o Diploma do soldado do combatente Sebastião de Azevedo Aguiar, que é o meu pai, o qual  tem um objetivo diferenciado, destacar um combatente, patriota e irrepreensível servidor público.  Este homem, também conehcido pro "Zito Aguiar" ( biografia completa neste blog) descende de família tradicional desta cidade de São Pedro onde ele nasceu e onde seu corpo está sepultado. Patriota serviu como voluntário juntamente com outros 25 saopedrenses e outros 8 não nascidos na cidade, no total 36. Logo terminada a Revolução de 1932 ele assumiu o cargo de tesoureiro municipal, onde foi inclusive "prefeito" substituto por pouco menos de 30 dias. Homem de reconhecida honra e caráter inlibado, era  implacável com a corrupção, desfazia amizades ao menor sinal de deslealdade e  malversação dos recursos públicos. Corajoso, mas respeitoso dos bons costumes. Eu próprio presenciei ocasiões onde ele mostoru seu caráter exemplar e deste ato sou responsável.

A PARTICIPAÇÃO DA "LEGIÃO NEGRA" EM 1932

Um relato histórico precioso e impressionante nas palavras do escritor José Petronio Domingues a respeito da participação da comunidade negra na Revolução Constitucionalista de 1932. Veja o texto no link abaixo e boa leitura.   

domingo, 11 de agosto de 2013

GETÚLIO, DO GOVERNO PROVISÓRIO À DITADURA DO ESTADO NOVO

Este volume, editado também na internet,  é o segundo da biografia do ex-presidente Getúlio Vargas, pelo escritor e biógrafo Lira Neto, pela Cia das Letras.
O autor diz em certo momento que " São Paulo é a única capital brasileira que não ostenta entre seus logradouros, uma avenida chamada Getúlio Vargas", e adiciona " não se trata de lapso, apenar dele ter sido o mais importante político do Brasil no século XX, pois Vargas ( 1882-1954) manteve, enquanto no poder, difícil relação com os paulistas.que chegaram a ir às armas contra o governo gaúcho".

Mais detalhes sobre esta biografia e a entrevista do autor ao OESP podem ser encontrada nos videos
http://www.youtube.com/watch?v=C-fR7wMU-mg
http://www.youtube.com/watch?v=WeP2CvDfrOs
http://tv.estadao.com.br/videos,LIRA-NETO-A-LUTA-PELA-DEMOCRATIZACAO-FEZ-DO-ESTADAO-ALVO-PRIVILEGIADO-DO-ESTADO-NOVO,208348,253,0.htm
http://tv.estadao.com.br/videos,NAO-EXISTE-INFORMACAO-DESINTERESSADA-DIZ-BIOGRAFO-DE-GETULIO-VARGAS,208349,253,0.htm
Esta biografia foi muito recomendada pelo OESP.
Faz parte de uma coleção de tres a saber:
a) Vida de GV até 1930
b) Vida de GV de 1930 a 1945 e
c) Vida de GV após 1945.
No OESP a notícia foi publicada em 10/08/2013, Leteratura/ Historia/ Caderno 2/C7.